Blog dos Poetas

Pronominais

de

Dê-me um cigarro
Diz a gramática
Do professor e do aluno
E do mulato sabido
Mas o bom negro e o bom branco
Da Nação Brasileira
Dizem todos os dias
Deixa disso camarada
Me dá um cigarro

postado por em 23-01-2009
Compartilhar

6 Comentários para “Pronominais”


  1. sheila de sousa lima disse:

    adorei o poema de oswald de andrade.


  2. paty disse:

    Oswald de Andrade sem dúvida é o melhor escritor brasileiro que já existiu, e esse poema é uma prova disso.


  3. Ediloy Antonio Carlos Ferraro disse:

    …a busca dos modernistas por uma linguaguem autêntica se apresenta nestes versos de Oswald de Andrade, bem como em “Descobrimento” de Mário de Andrade…muito devemos a estes ilustres literatas em suas buscas por raízes de nossa gente, embora oriundos de europeuse e de africanos, buscava-se uma comunicação nascida dos falares pátrios, o que, aliás, imortalizou a obra Macunaíma, de Mário de Andrade. Tal movimento influenciou as artes de forma geral, o teatro, literatura e pintura se destacaram naquele período de que cujas influências nos servimos ainda hoje e sempre…


  4. thiago disse:

    não entendi


  5. ERIANE disse:

    Bem original….
    Muito Bom…


  6. adgjnfh453453455 disse:

    Thiago, ele quis dizer que é uma frescura inútil essa regra de onde colocar o pronome.

Deixe Seu Comentário