Blog dos Poetas

Esperança

de

Só a leve esperança em toda a vida
Disfarça a pena de viver, mais nada;
Nem é mais a existência, resumida,
Que uma grande esperança malograda.

O eterno sonho da alma desterrada,
Sonho que a traz ansiosa e embevecida,
É uma hora feliz, sempre adiada
E que não chega nunca em toda a vida.

Essa felicidade que supomos,
Árvore milagrosa que sonhamos,
Toda arreada de dourados pomos,

Existe, sim; mas nós não a alcançamos
Porque está sempre apenas onde a pomos,
E nunca a pomos onde nós estamos.

postado por em 10-04-2002
Compartilhar

3 Comentários para “Esperança”


  1. Deborah Carvalho disse:

    Olá , tudo bem ? Adorei as poesias que você colocou no Blog .
    Sou Bisneta do Poeta: Vicente de Carvalho.
    Meu nome é Deborah Carvalho.
    Se você quizer tc comigo,vai
    ser um prazer : Vou passar o meu
    hotmail : [email protected] :
    Um grande abraço da Deborah


  2. Ediloy Antonio Carlos Ferraro disse:

    …sempre o Ser diante da felicidade almejada, ainda que tentada, idealizada, é como uma quimera onde a mente concebe, mas a realidade não acontece…poema reflexivo nos traz o seu autor, melancólico, realista, mas belo !


  3. edson ricardo paiva disse:

    eu li este poema em um livro escolar na adolescência e simplesmente me apaixonei por poesia,que é a melhor maneira de dizer muito em poucas palavras e que ao mesmo tempo não diz nada a quem não tem sensibilidade,acaba se tornando uma espécie de código entre poucas pessoas,que na maioria das vezes,nem se conhece.tenho alguns poemas escritos hoje em dia.basta clicar meu nome no google que
    eles estão lá.

Deixe Seu Comentário