Blog dos Poetas

Se se morre de amor

de

Se se morre de amor! – Não, não se morre,
Quando é fascinação que nos surpreende
De ruidoso sarau entre os festejos;
Quando luzes, calor, orquestra e flores
Assomos de prazer nos raiam n’alma,
Que embelezada e solta em tal ambiente
No que ouve e no que vê prazer alcança!

Simpáticas feições, cintura breve,
Graciosa postura, porte airoso,
Uma fita, uma flor entre os cabelos,
Um quê mal definido, acaso podem
Num engano d’amor arrebentar-nos.
Mas isso amor não é; isso é delírio
Devaneio, ilusão, que se esvaece
Ao som final da orquestra, ao derradeiro

Clarão, que as luzes ao morrer despedem:
Se outro nome lhe dão, se amor o chamam,
D’amor igual ninguém sucumbe à perda.
Amor é vida; é ter constantemente
Alma, sentidos, coração – abertos
Ao grande, ao belo, é ser capaz d’extremos,
D’altas virtudes, té capaz de crimes!
Compreender o infinito, a imensidade
E a natureza e Deus; gostar dos campos,
D’aves, flores,murmúrios solitários;
Buscar tristeza, a soledade, o ermo,
E ter o coração em riso e festa;
E à branda festa, ao riso da nossa alma
fontes de pranto intercalar sem custo;
Conhecer o prazer e a desventura
No mesmo tempo, e ser no mesmo ponto
O ditoso, o misérrimo dos entes;
Isso é amor, e desse amor se morre!

Amar, é não saber, não ter coragem
Pra dizer que o amor que em nós sentimos;
Temer qu’olhos profanos nos devassem
O templo onde a melhor porção da vida
Se concentra; onde avaros recatamos
Essa fonte de amor, esses tesouros
Inesgotáveis d’lusões floridas;
Sentir, sem que se veja, a quem se adora,
Compreender, sem lhe ouvir, seus pensamentos,
Segui-la, sem poder fitar seus olhos,
Amá-la, sem ousar dizer que amamos,
E, temendo roçar os seus vestidos,
Arder por afogá-la em mil abraços:
Isso é amor, e desse amor se morre!

postado por em 25-02-2003
Compartilhar

  • http://www.poetisas-eternas.blogspot.com Doit

    Uma das descrições mais lindas sobre o amor!

    Apaixonante…

  • Thawanna

    Poesia mais perfeita que já se pode ter criado…

  • Maria Jose

    O que comentar…esse poema e um dos mais belo do meu conterraneo, Gonçalves Dias, ai diz tudo, tudo sobre amor… e D+

  • eutacio

    num gostei muit0o nao, falta um poco de rock nessas paradinha ai… mais ate que fico bom para um poeminha

  • Marina

    Então…o único problema é que falta metade da obra! 5 importantíssimas estrofes!

    Presta atenção galera…

  • http://sitedepoesias.com.br/poetas/peka Ederson Peka

    Obrigado, Marina. Eu cortei de propósito mesmo. ;-)

  • Mariana

    Nossa! Parece que foi escrita para mim e meu marido. Atualmente eu moro em Curitiba e ele em Brasilia.

  • Ana Caroline

    Lindo, lindo, lindo!!!!

  • Homem Americano

    Se tal paixão enfim transborda,
    Se tem na terra o galardão devido
    Em recíproco afeto; e unidas, uma,
    Dois seres, duas vidas se procuram,
    Entendem-se, confundem-se e penetram
    Juntas — em puro céu d’êxtasis puros:
    Se logo a mão do fado as torna estranhas,
    Se os duplica e separa, quando unidos
    A mesma vida circulava em ambos;
    Que será do que fica, e do que longe
    Serve às borrascas de ludíbrio e escárnio?

    Pode o raio num píncaro caindo,
    Torná-lo dois, e o mar correr entre ambos;
    Pode rachar o tronco levantado
    E dois cimos depois verem-se erguidos,
    Sinais mostrando da aliança antiga;

    Dois corações porém, que juntos batem,
    Que juntos vivem, — se os separam, morrem;
    Ou se entre o próprio estrago inda vegetam,
    Se aparência de vida, em mal, conservam,
    Ânsias cruas resumem do proscrito,
    Que busca achar no berço a sepultura!

    Esse, que sobrevive à própria ruína,
    Ao seu viver do coração, — às gratas
    Ilusões, quando em leito solitário,
    Entre as sombras da noite, em larga insônia,
    Devaneiando, a futurar venturas,
    Mostra-se e brinca a apetecida imagem;
    Esse, que à dor tamanha não sucumbe,
    Inveja a quem na sepultura encontra
    Dos males seus o desejado termo!

    Eis a parte que falta da obra do Mestre Gonçalves Dias. Nenhum poeta falou de amor com tanto sentimento.

  • http://www.ss-santiago.zip.net soraia

    Eh verdade por isso nao podia deixar de colocar todas as estrofes…sao necessarias para entendimento da poesia…. quem deu falta mostra ter conhecimentos total da poesia No mais vc tem um bom gosto…. admiro jovens de espiritos poeticos… importante pra literatura brasileira… beijos
    soraia
    ciganita

  • Caroliina

    Por favoor tem como alguém passar esse poema p. linguagem de hoje ?
    é pq eu tenho um trabalho p. entregar amanhã, mais só que eu jáh fiiz só quero reavaliar. !

  • DAYANE MARTINS

    EU ADOREI ESTA POESIA, POIS FALOU TUDO SOBRE MIM, E QUANDO MEU ESPOSO OUVIU ELE DISSE QUE É APAIXONANTE MESMOE TB….
    OUTRO DIA EU TERMINO.

  • DAYANE MARTINS

    EU ADOREI ESTA POESIA, POIS É INESQUECÍVEL.

  • análise do poema

    explicar oque o poema traduz!

  • http://fruto karolina

    o amor e um fruto proibido Que nimgue pode Provar O amor e um beijo que miguem pode fazer E o amor que bate no caracao

  • Rosana Nogueira Nemer

    olá
    Eu gostaria imensamente de obtero poema Se se korre de amor do Gonçalves Dias , na versão do Chico Buarque , q foi o poema lido pela minha mãe em 1989 , qd ela foi ecolhida a Paraninfa da turma de Fonoaudilogia .
    Se for possível , muitíssimo obrigada !
    Rosana Nemer

  • Renata Amaro

    amooooooooooo essa poesia,linda,linda linda….tbm,se é de Gonçalves Dias,não prescisa dizer + nada,néh…

  • Adriana Guimarães

    Eu aaaaaaamo esse poema, Gonçalves Dias foi muito feliz ao escrevê-lo. Fala ao nosso coração, vai lá na alma..

  • Talita

    Gonçalves Dias:
    Único!

    Poema:
    Fascinante!

  • moniii

    ain esse poema aii táá incompleto né! pqê pelo amor to fazendo um trabalhoo e naum ta igual naum! ixii onde voces acham isso legal ¬¬

  • Raquel

    Amo este poema do Gonçalves Dias! A primeira vez que o li tinha 16 anos e, até hoje, sou apaixonaaaaada por ele, é lindo, maravilhoso!!!

  • Daiane lourene

    Uma das maais belas descrição do verdadeiro amor……

    Encantador….

  • http://www.google.com.br rafiza

    Não conhecia esse poema, mas apartir do conhecimento percebir que ele é um dos mais belos lírico-amoroso de Gonçalves Dias… Poema BELO!!

  • Adrikarsil

    Viva Gonçalves Dias!!!
    O poeta que fez do seu subjetivo o subjetivo de todos,interpretando em seus poemas a alma dos amantes. Isso sim é um poema. E sem dúvida, um dos mais lindos. Bjs Adrikarsil.

  • leticia

    realmente apaixonante!!!estou sem palavras

  • Keyla

    Lindo, lindo demais.

  • Carlos kécio

    Único….
    ….”Isso é amor, e desse amor se morre!”

  • Débora

    “Se se morre de amor! – Não, não se morre.”
    esse sim, é ‘o’ poeta. Todas as poesias da época do romantismo (mal do século) são assim, cheias de emoção, e, na maioria das vezes, nos faz chorar ! lindo, lindo, lindo *–*

  • Filipe Brito

    grande Gonçalves Dias!