Blog dos Poetas

Veneno e Contraveneno

de

A palavra, o veneno
O verso, a armadilha
O poeta, a presa
O livro, a jaula
O leitor, a isca

O Veneno, sorvido, é vício
O livro, lido, existe
O Leitor, lendo, se torna livro

postado por em 12-03-2003
Compartilhar