Blog dos Poetas

O Deus-Verme

de

Fator universal do transformismo.
Filho da teleológica matéria,
Na superabundância ou na miséria,
Verme – é o seu nome obscuro de batismo.

Jamais emprega o acérrimo exorcismo
Em sua diária ocupação funérea,
E vive em contubérnio com a bactéria,
Livre das roupas do antropomorfismo.

Almoça a podridão das drupas agras,
Janta hidrópicos, rói vísceras magras
E dos defuntos novos incha a mão…

Ah! Para ele é que a carne podre fica,
E no inventário da matéria rica
Cabe aos seus filhos a maior porção!

postado por em 28-04-2004
Compartilhar

12 Comentários para “O Deus-Verme”


  1. roberto disse:

    pelamordedeus alguem me de uma luz!!!!

    estou desenvolvendo um trabalho q relaciona esta poesia com the conqueror worm de alan poe

    qualquer comentario eh bem vindo


  2. JOYCE KELLY DE SOUZA ARAUJO disse:

    Por favor me ajude no comentario do poema de Augusto dos Anjos “O Deus Verme”


  3. bruno disse:

    Eu tb nao entedi nada nadinha meu irmão


  4. Phably disse:

    Gente por favor..eu estou fazendo um trabalho sobre esse poema ..e eu tenho q falar qual é a mensagem q esse poema traz…só porque eu nao entende ele!!! alguém poderá me ajudar??? por favor é urgente!!!!! agradeço a quem se disponibilizar!


  5. Wesley disse:

    Meeeldels!
    Tirei 0 no trabalho de literatura! ;s


  6. Damião disse:

    Deus verme é um poema interessante, pois o poeta mostra Deus ora como o Todo-poderoso, como o é realmente, ora como uma bactéria, um verme, a podridão humana, o lixão dos corações humanos. Por um lado, Deus, Jesus Cristo foi aquele que, sendo DEUS se rebaixou à condição de um ladrão, de escravo, de assasino, de infeliz, de pecador, DE REALMENTE UM VERME da humanidade. ELE, jesus, suportou em si todos os males e desgraças dos homens.

    A carne podre ( pelo pecado) fica para o Deus-verme. A carne rica em maior porção (a própria carne e sangue desse Deus, que se doa na cruz por seus filhos) fica para seus filhos, humanos pecadores e fracos, indignos de alimento tão maravilhoso.

    ” Livre das roupas do antropomorfismo” : É um Deus que não olha a aparência humana, mas o que está oculto em seu coração e em sua alma. Logo, não julga apenas através da visão e sim pelas podridões humanas. O ser humano é que é falso e julga pela aparência. Para o Deus -verme, isso não vale.


  7. nany disse:

    É extraordinario como o saudoso e magnifico poeta Augusto dos Anjos fala diretamente sobre “o verme” que consome os cadáveres como um deus no reino das carnificinas, com significados que só valem no mundo da poesia. Viva Augusto!


  8. Marilene disse:

    Em que consiste a visao presente no poema?


  9. Bruckner disse:

    Nossa damião, nd a ver umas coisa ae ein! rs


  10. jhunioe disse:

    Deus verme é um poema interessante, pois o poeta mostra Deus ora como o Todo-poderoso, como o é realmente, ora como uma bactéria, um verme, a podridão humana, o lixão dos corações humanos. Por um lado, Deus, Jesus Cristo foi aquele que, sendo DEUS se rebaixou à condição de um ladrão, de escravo, de assasino, de infeliz, de pecador, DE REALMENTE UM VERME da humanidade. ELE, jesus suportou em si todos os males e desgraças dos homens.

    A carne podre ( pelo pecado) fica para o Deus-verme. A carne rica em maior porção (a própria carne e sangue desse Deus, que se doa na cruz por seus filhos) fica para seus filhos, humanos pecadores e fracos, indignos de alimento tão maravilhoso.

    ” Livre das roupas do antropomorfismo” : É um Deus que não olha a aparência humana, mas o que está oculto em seu coração e em sua alma. Logo, não julga apenas através da visão e sim pelas podridões humanas. O ser humano é que é falso e julga pela aparência. Para o Deus -verme, isso não vale.


  11. Samuel disse:

    Na verdade esse poema diz que mesmo que vivamos a vida que nós temos, seja ricos, pobres, gordos, magros, pretos, brancos.. enfim, todo nós seremos decompostos pelo verme. Ele descreve exatamente o que o verme faz com a nossa carne, a carne que agente sempre cuidou a vida toda, a carne que na verdade não vale pra nada. O que ele tenta tratar é que a nossa alma que vale alguma coisa, pq a nossa alma é eterna e não a nossa carne.
    E muitas vezes nos preocupamos mais em manter uma aparecia boa do que aproveitar o tempo para ler a biblia, orar, ter um tempo com Deus, Alimentar a nossa alma.


  12. CINTIA CARINA disse:

    DEUS E LINDO DE MAIS TE AMO DEUS

Deixe Seu Comentário