Blog dos Poetas

Auto-Retrato Falado

de

Venho de um Cuiabá de garimpos e de ruelas entortadas.
Meu pai teve uma venda no Beco da Marinha, onde nasci.
Me criei no Pantanal de Corumbá entre bichos do chão, aves, pessoas humildes, árvores e rios.
Aprecio viver em lugares decadentes por gosto de estar entre pedras e lagartos.
Já publiquei 10 livros de poesia: ao publicá-los me sinto meio desonrado e fujo para o Pantanal onde sou abençoado a garças.
Me procurei a vida inteira e não me achei -— pelo que fui salvo.
Não estou na sarjeta porque herdei uma fazenda de gado.
Os bois me recriam.
Agora eu sou tão ocaso!
Estou na categoria de sofrer do moral porque só faço coisas inúteis.
No meu morrer tem uma dor de árvore.

postado por em 03-06-2007
Compartilhar

5 Comentários para “Auto-Retrato Falado”


  1. aline ribeiro cardoso disse:

    Eu gostei muito dos livros de manoel de barros.


  2. ANDERSON disse:

    esse autor o trabalho dele e muito bonito parabens eu irei lançar um livro mais informaçoes me sigam no twitter…
    http://twitter.com/andersontavolar mais informaçoes pode perguntar abraçosss….


  3. EDILOY A C FERRARO disse:

    Beberico a conta-gotas o palavreado matuto, intencional, rico e cativante desse autor, como fazia, em criança ao ler gibis, lia aos poucos para não acabar o prazer da leitura…meu caro blogueiro, Ederson, não tem mais do Mané em seus arquivos ? por favor, não esconda,…abçs !


  4. Ederson Peka disse:

    Ediloy, tenho quatro preciosidades dele aqui: “Gramática Expositiva do Chão”, “O Guardador de Águas”, “O Livro das Ignorãças” e “Poemas concebidos sem pecado”. De vez em quando caço alguma amostrinha pra publicar, mas o que tem nos livros normalmente excede muito (tanto em comprimento como em densidade) a proposta despretensiosa deste nosso espaço aqui. Para todo mundo que puder adquirir, recomendo fortemente todos os livros que li: valeram cada centavo! E arrisco até recomendar também os que não li. 😉

    De qualquer forma, vou continuar procurando as pequenas pérolas, pode ficar tranqüilo. Um abraço!


  5. Ederson Peka disse:

    Atualizando: assisti o documentário “Só dez por cento é mentira” ( http://sodez.com.br ) e recomendo MUITO! 😉

Deixe Seu Comentário