Blog dos Poetas

Alguém Como Eu

de

Entra, Mestre,
Descansa um pouco:
Estás cansado,
Estás sedento
E rouco…

Dorme, Mestre,
A casa é Tua:
Já fechei porta
E janela
Pra rua…

Deixou-me falando só;
Dormiu tão pesado,
Fazia dó…
Como será, Mestre,
Este sonho Teu?
Sonhas como homem,
Sonhas como Deus?
Sonhas com a glória
Que tinhas com o Pai, na luz?

Ou sonhas com a cruz?

Perdoa, Mestre,
Mas já é hora:
Uma multidão
Te espera,
Lá fora…

Estás decidido,
Não Te detenho:
Vais curando
Até chegar
Ao lenho…

Partiu, fica a paz em mim:
Fica a sala
Com cheiro de jasmim…
Vai verter a vida
Do corpo Seu,
Pra levar a culpa
De alguém como eu;
Pra lavar o sujo
Do meu próprio eu:
Levar-me puro
A Deus.

postado por em 20-04-2009
Compartilhar

6 Comentários para “Alguém Como Eu”


  1. Andreluca disse:

    Gostei do blog. Mandou bem.
    Serve de inspiração para mim. Dê uma passadinha no meu blog:
    http://andreluca-amoramizade.blogspot.com/
    abraço.


  2. Maria disse:

    Gostei muito do seu blog e das suas poesias. Por isso quero deixar uma sugestão pra você. Tem um concurso de poesias legal na net, que vai pagar R$ 5 mil ao vencedor. Acho que você deveria disputar. Pelo que vi aqui, tem boas chances. E as poesias nem precisam ser inéditas. Entre em http://www.talentos.wiki.br.


  3. Leilane da Silva Duarte disse:

    Linda poesia! Amei mesmo! Comtinue assim, q Deus te ilumine na tua caminhada para o céu!


  4. deusaii disse:

    perfeito… lindo mesmo…


  5. Adrian disse:

    parabéns pelo blog esta bem elaborado
    com poesias de qualidade…gostei!
    se poder dar uma passada no meu blog agradeço

    adriancristovao.blogspot.com


  6. maria e thais disse:

    eu gostei do poema porque ele ensina um monte de coisas.

Deixe Seu Comentário